2013 – 2015 – 2016

Em 2013, o Sada Cruzeiro escreveu seu nome na história ao conquistar o inédito e sonhado troféu do Campeonato Mundial de Clubes, um marco para a modalidade nacional. O time brasileiro foi também o primeiro clube fora da Itália a vencer a competição. E para levantar o troféu de melhor do planeta, o Sada Cruzeiro bateu o Lokomotiv Novosibirsk, da Rússia, por 3 a 0, na final em Betim-MG, diante de 7.000 pessoas, que viram ali parte da história do esporte sendo escrita pelos cruzeirenses.

Em 2015 o esquadrão azul foi campeão de novo em casa, desta vez em uma decisão diante do russo Zenit Kazan, derrotado por 3 sets a 1.

E quem imaginava que o Sada Cruzeiro já tinha conquistado tudo, atingido o grau máximo que uma equipe de vôlei poderia alcançar, mais uma vez foi surpreendido pelo elenco estrelado em 2016, quando o time chegou invicto ao troféu maior do planeta. Na final os brasileiros encararam novamente o russo Zenit Kazan, fizeram 3 sets a 0 e reescreveram capítulos imortais na história do maior clube de vôlei dos últimos tempos.

O Sada Cruzeiro também foi prata no Mundial em 2012, em Doha, no Catar, e bronze na edição disputada na Polônia, em 2017.

 

Conquista do Tricampeonato Mundial pelo Sada Cruzeiro, em 2016 – Foto: Agênciai7